Estão abertas as inscrições para o programa de voluntariado da SEMA

12 de fevereiro de 2019 - 08:13

Pode participar do Agente Voluntário Ambiental (AVA), todo cidadão com idade a partir de 18 anos, interessado no desenvolvimento de atividades de manejo, gestão e proteção, nas unidades de conservação do Estado; estão sendo oferecidas 20 vagas

As inscrições para o Programa Agente Voluntário Ambiental (AVA), período 2019 – 2020, da Secretaria do Meio Ambiente (SEMA), continuam abertas até  o dia 12 de abril. A iniciativa busca promover e incentivar o trabalho voluntário nas unidades de conservação (UCs) sob a gestão do Governo do Ceará, por meio da SEMA. Este ano, o AVA está disponibilizando 20 vagas que serão distribuídas entre dez UCs e a sede da Secretaria que disponibiliza uma vaga. As fichas para inscrições de candidatos estão disponíveis no portal da SEMA (www.sema.ce.gov.br).

As vagas serão abertas para as seguintes localidades: Parque Estadual do Cocó, Parque Estadual Botânico do Ceará, Estação Ecológica do Pecém, APA da Bica do Ipu, Parque Estadual do Sítio Fundão, APA da Serra de Baturité, ARIE do Sítio Curió, APA do Rio Pacoti, Monumento Natural das Falésias de Beberibe, Monumento Natural Os Monólitos de Quixadá, e uma para a Célula de Conservação da Diversidade Biológica (Cedib), na sede da SEMA,em Fortaleza.

Segundo a gestora ambiental, Andrea Moreira, da Cedib, o aumento do número de vagas e de unidades participantes do processo é uma demonstração de que o AVA renova-se em 2019. “Ao disponibilizar mais vagas e mais localidades, o programa estará ampliando a participação de voluntários em atividades voltadas para a proteção da natureza e relacionadas com a gestão das UCs”, disse Moreira, destacando ainda que a cada edição, o AVA propicia “uma troca de experiência e aprendizado, motivação e encantamento”. A seleção de candidatos é realizada por meio da análise curricular e entrevista.

Pelas diretrizes do AVA, pode participar do programa, todo cidadão com idade a partir de 18 anos e interessado no desenvolvimento de atividades de manejo, gestão e proteção, nas unidades de conservação do Estado. “Ao participante caberá ter ciência de seu papel e estar disposto a receber as orientações condizentes à atividade escolhida, atuando de maneira integrada à gestão da área protegida,” afirma o titular da SEMA, Artur Bruno. “O voluntariado traz benefícios tanto para a sociedade como para o indivíduo que realiza as tarefas de forma voluntária”, encerra.

Cidadania

Para Charles Moreira Oliveira Bezerra, ser voluntário do programa AVA é uma “oportunidade única” de poder fomentar o exercício de cidadania. “Mas também, lutar por um ambiente mais sustentável, onde as pessoas possam vivenciar e participar de ações efetivas na preservação do meio ambiente, como também na qualidade de vida e na educação de todos por um mundo mais equilibrado ecologicamente”, declara.

Dentro do programa do AVA, o voluntário poderá realizar tarefas do tipo: prestar informações; desenvolver projetos de educação ambiental e pesquisa; manutenção de trilhas e instalações; apoio às populações do entorno; trabalhos administrativos; brigadas de incêndio; buscas e resgates; recuperação de áreas degradadas e manejo de espécies exóticas”, entre outras. Para mais informações, entrar em contato com a CEDIB, por meio dos e-mails cedib@sema.ce.gov.br; ava@sema.ce.gov.br ou pelo telefone 3101 5530.

Saiba mais

De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), voluntário “é o jovem, adulto ou idoso que, devido a seu interesse pessoal e seu espírito cívico, dedica parte do seu tempo, sem remuneração, a diversas formas de atividades de bem estar social ou outros campos”.

Faça sua inscrição: AQUI